Edukators

Acredito que muitas pessoas tenham ideais, mesmo quando jovens pensaram ou até mesmo tentaram fazer alguma coisa para conter as injustiças que estão por todos os lados. Quando tinha uns 15 ou 16 anos andava com

no pescoço, achando que assim estaria ao menos mostrando que pensava diferente das demais pessoas. Lia sobre Bakunin e repetia algumas frases prontas, elaboradas pelo autor. Junto com amigos, organizávamos protestos, que sim, fazia sentido e tinha o objetivo de conscientizar. Mas, as pessoas não davam importância, nem se quer paravam para questionar. Na época julgava esta atitude.

Hoje, com 23 anos, formada em jornalismo percebo que estou com as mãos atadas. Cada vez mais injustiças, o poder aquisitivo de quem já tem bastante continua crescendo e a maioria no nosso país continua sendo a minoria para muitos. A principal mudança que aconteceu em meus pensamentos, foi o fato de perceber que é possível alcançar pequenas mudanças, mas de cima para baixo.


A grande inspiração para este texto foi o filme Edukators, alemão com direção de Hans Weingartner. A história é sobre dois idealistas que realizam protestos pacíficos. Entram nas casas de pessoas bem sucedidas da sociedade, trocam os móveis de lugar e deixam mensagens de protesto. É um filme intrigante e empolgante, me fez pensar em várias coisas, principalmente na injustiça social que há em meu país e que posso, ao menos, contribuir com folhetins.

Recomendo assistir!!



Agora, em homenagem ao grande precursor dos meus ideais, uma breve descrição sobre a história de Mikhail Aleksandrovitch Bakunin:




Bakunin nasceu em 30 de Maio de 1814, e morreu dia primeiro de Julho de 1876 em Berne na Suiça. Ele foi um aristocrata russo que se tornou anarquista e revolucionário. Abandonou a Rússia em 1840, para estudar filosofia na Alemanha, mas, acabou sendo atraído pelo socialismo revolucionário, se envolvendo nas revoluções de 1848, na Alemanha, França e Áustria. Ele foi preso em Dresden em 1849 e deportado para a Sibéria, de onde escapou em 1861, indo para a Inglaterra, para finalizar o seu trabalho revolucionário.

Bakunin achava que o homem era bom por natureza mas corrompido pela existência de instituições estatais. Ele constantemente atacava a violência do Estado, a religião e o sistema econômico bancário por permitir que pessoas recomeçassem suas vidas em associações voluntárias de indivíduos livres. Ele era totalmente contra as idéias de Marx, a quem via como um autoritário. Apesar disso Bakunin nunca explicou como as suas teorias poderiam ser realizadas e ganhou vários adeptos tanto na Itália quanto na Espanha.

Comentários

dän disse…
uma aula este post hein...
muito bom!
dän disse…
o significado da palavra MEME é interessante, dá uma olhada na wikipedia! muito bom, vc vai curtir!

nos blogs, memes sao essas correntes q passam de um blogueiro a outro... 7 coisas q gosta, 7 coisas q odeia, 5 livros q lê.. essas coisas!

de uma olhada no google, vai aparecer o link da wikipedia, clica lá!
f/costa disse…
O movimento é muito forte na Itália mesmo, a única comunidade anarquista que se tem registro no Brasil era próxima a Curitiba, feita por imigrantes italianos, não durou muito tempo...

Em relação ao filme, não acho que eles eram pacifistas não... hehehehehe..., mas isso é um ponto de vista apenas.

* o grande problema continua sendo o comprometimento, acho que você tá ligada, né?


bjos
f/costa disse…
http://brigadasinternacionais.blogspot.com/


take a look!
Eu ouvi falar muito do Edukators, vou ver se acho ele na internet pra dar uma zarolhada.
Anônimo disse…
Muito Legal teu texto Josie.

ASS: GABRIEL SPANIOL
Mirian Coelho disse…
Poxa..esse teu texto ficou muito bom......fez eu parar tudo pra ler do inicio ao fim........

já vi um pouco desse filme no you tube, quero ver se assisto....

mas só tem na net?????

bjos....
Mirian Coelho disse…
josie..
olha só..vai ter uma confraternização do Censura Livre na quinta-feira, no mercado público em itajaí...só não sei o horário....pq o programa vai parar de ir ao ar..dai eu estou afim de dar uma passada por lá...vc é afim de ir comigo.....
achei legal..pq podemos conversar e ver uma galera que tá na facul e formada....
pensa e vamos comigo.....
bjos.......
Gabriela disse…
Esse filme é muito bom, tanto na estética quanto no conteúdo.

bom texto.
abraços!
bezzi. disse…
Adoro Edukators, Josie! Muito bom, né?
Beijo.

Postagens mais visitadas