Tudo Pode Melhorar

Segunda feira não é um dia muito agradável, por natureza. Mas ontem, estava tudo a mil por hora. Acordei querendo quebrar o chuveiro porque esquentou demais. Mandar a PQP uma pessoa que te vê com dificuldades procurando roupas no cesto de passar e faz a singela pergunta: quer ajuda??


Ou pior, depois de ver você vestida, diz: conseguiu??

aaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaah!! TPM, numa segunda feira, de manhã...não mereço!!


Ao longo do dia, tentei me acostumar com a situação, mas foi impossível Ao chegar no trabalho, ouvi, curto e grosso:

- Josie, na minha sala!

Na maior simpatia respondi: um minuto

Neste minuto, milhões de coisas terríveis passaram na minha mente, inclusive a frase: o que será que eu fiz??

Logo, percebi que era apenas a pressão básica que um editor-chefe sente a necessidade de expôr, até mesmo numa... você já sabe!

As vozes das pessoas soavam como zunidos nos meus ouvidos. O telefone parecia um motor elétrico. Eram nove horas da manhã e eu clamava as 18 horas.

Para um homem, isto tudo é culpa da maldita TPM. Pois é, como se as mulheres gostassem de passar por momentos como estes. Sabe o que mais, se o homem tem alguma dor, está com algum probema, nós mulheres estamos sempre ao lado, dando apoio, força, até vamos na farmácia a pé, debaixo de chuva.

Agora, tenho que esclarecer uma coisa:

Quando a mulher está numa fase dificil, onde as questões: trabalho, carreira, família, independência, necessidades, etc martelam na nossa cabeça, é dificil controlar a tensão.

A emoção fica a flor da pele, os hormônios resolvem visitar os neurônios e fica tudo misturado.

Conclusão: tenho que me esforçar para continuar esta semana, sem mais complicações...



Comentários

carla disse…
Amigaaaaaaaaaaaaaa...um maximooooooo!!!

Love Youuu
Muito bom o post!

Todas as mulheres que lerem, certamente pensarão: Eu compreendo.

Ahauauhauh.

Ilustração perfeita da TPM...

Engraçado, nem preciso estar na TPM, todas as vezes que o meu ramal toca e ao atender ouço:

- Venha até minha sala, por favor.

Eu penso: Opa "o que será que eu fiz??"

Aauahuaha.

Minha mãe chama isso de síndrome de criança sapeca.

Beijão!

Saudades.
f/costa disse…
Qualquer semelhança entre a minha pessoa e o cesto de roupas é mera coinscidência.


hehehehe...


te amo josie, isso logo passa...





* dica aos homens: jamais, de maneira alguma se envolva a situação "mulher x tpm x roupas", isso não é saudável.
Aline Couto disse…
Hahahaaha!

"hormônios resolvem visitar os neurônios" foi ótimo.

Agora, "Qualquer semelhança entre a minha pessoa e o cesto de roupas é mera coinscidência." foi demais hahahhahaha

qq vc fez hein?

eu na tpm mato por chocolate. Pergunta p gus. Eu bato p valer se tomarem meus doces.

Postagens mais visitadas