SC: isolada, dona de casa enterra marido no quintal

Entre tantas notícias ruins, entre o caos que está Itajaí, algo que faz a gente refletir mais diante desta situação caótica.


A dona de casa Claudete de Fátima Cypriano, 42 anos, teve de enterrar no quintal de casa o corpo do marido Edenilson Cypriano, 42 anos, que morreu após ser arrastado pela enxurrada no Bairro Progresso, em Blumenau, no fim de semana. A região foi isolada do restante da cidade por deslizamentos. Claudete aguarda a chegada dos Bombeiros ou do Exército para providenciar um enterro digno para ao marido. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.


Segundo a família, militares encontraram o corpo e orientaram o enterro improvisado até o socorro chegar. Claudete usou enxada, pá e teve a ajuda da filha Edelaine, 17 anos. O corpo de Cypriano foi envolto em um saco do Exército e enterrado num caixão de madeira.



Na cidade de Gaspar, um caminhão-frigorífico fica estacionado na rua Barão do Rio Branco, na frente da Câmara Mortuária Bom Pastor, no Bairro Santa Terezinha. Os cadáveres das vítimas são colocados no local e ficam à espera de parentes para identificação.

Comentários

Acquadesign disse…
Nossa!!! Muito triste tudo isso que está acontecendo!!! Não dá pra imaginar a dor q essas pessoas estão sentindo!!!
Anônimo disse…
E pensar que isto aconteceu aqui, em nosso país que consideramos abençoado por Deus e bonito por natureza...
Feliz Natal Josie
Bjos

Postagens mais visitadas